中文 Portuguese English

1ª leitura (Is 55,6-9): Procurai o Senhor enquanto for possível encontrá-lo. Invocai-o enquanto está perto. Abandone o ímpio os seus caminhos e o criminoso os seus projectos. Volte para o Senhor, que terá piedade dele; volte para o nosso Deus, que é generoso no perdão. Os meus pensamentos não são os vossos pensamentos. Os vossos caminhos não são os meus caminhos – diz o Senhor. Tanto quanto o céu está acima da terra, assim os meus caminhos são mais altos que os vossos e os meus pensamentos mais altos que os vossos pensamentos.

 

2ª leitura (Fl 1,20c-24.27a): Quer eu continue vivo quer morra, Cristo será glorificado à mesma.  Afinal, o que é a vida? Bem, para mim, viver é Cristo e morrer até seria um lucro. Mas se, entretanto, continuando a viver, posso desempenhar um trabalho frutuoso, então não sei o que hei-de escolher, porque estou indeciso entre estas duas coisas: por um lado, sinto o desejo ardente de deixar esta vida para estar com Cristo, o que seria muitíssimo melhor; mas, por outro lado, por vossa causa, é mais necessário que eu continue vivo. Quanto a mim, estou convencido de que continuarei junto de todos vós, para o progresso e a alegria da vossa fé, de maneira que a minha presença no meio de vós contribua para a consideração em que me tendes em Jesus Cristo.

 

Evangelho (Mt 20,1-16a): O Reino do Céu é semelhante a um proprietário que, ao romper da aurora, saiu para contratar trabalhadores para a sua vinha. Combinou com eles um denário por dia e enviou-os para a sua vinha. Saiu depois, por volta das nove horas, e, vendo na praça outros que não estavam a fazer nada, disse-lhes: «Ide vós também para a minha vinha e tereis o salário que for justo». E eles foram. Saiu de novo por volta do meio-dia e das três da tarde e fez o mesmo. Saindo pelas cinco da tarde, encontrou ainda outros que ali estavam ociosos e disse-lhes: «Por que estais aqui todo o dia sem trabalhar?». Eles responderam: «Porque ninguém nos contratou». Ele disse-lhes: «Ide vós também para a minha vinha»...

... «Não foi um denário que combinámos? Leva então a tua paga e segue o teu caminho. Se eu quero dar ao último contratado tanto como a ti, não me será permitido dispor dos meus bens como eu entender? Ou tu tens inveja por eu ser generoso?». E Jesus concluiu: «Assim, os últimos serão os primeiros e os primeiros serão os últimos».

 

澳門家辣堂街十三號地下 Rua de Santa Clara, No.13, Macau TEL: +853 2832 3209 Fax: +853 2832 2976 P.O.Box: 3010 Email: info@peacemacau.org